domingo, 26 de dezembro de 2010

pia, pia, Piazzolla!


Criada de (e entre) tango e fado, Adios Nonino tem significado especial pra mim. A mais brilhante estrela da constelação de Piazzolla foi composta em 1959, quando da morte de seu pai, Vicente "Nonino". Vinte anos depois, ele diria:
"Talvez eu estivesse rodeado de anjos. Foi a mais bela melodia que escrevi
e não sei se alguma vez farei melhor
."
Nesta reta final de 2010 fica suspensa sobre a pista a sinalização: tem músicos e músicas que são assim... só um minuto de silêncio no fim ajuda a recompor!


Nenhum comentário: