domingo, 17 de abril de 2011

acorde que amacia ideia


Paranoid Android, do Radiohead

Este cara, pra meu orgulho, é brasileiro. O pernambucano Vitor Araújo tem 21 anos. O que ele é capaz de fazer com a música entra em minh'alma e não me sai do pensamento... e se repete sempre que eu preciso. Uma figura ímpar que faz par comigo, meia volta, volta e meia - anda comigo pela praia, pelo mar, pelo ar, pelas pedras, pela cidade, pelos acordes... Parece um desafio em aberto essa ideia de ruptura com a mesmice e a possilibidade de voar por conta própria, e talvez em bandos. Sempre estaremos trilhando o caminho menos confortável na busca pelo encanto, por isso somos parceiros de jornada, somos nós mesmos em abundância.


Competine D'Un Autre Été, do Yann Tiersen
"Havia uma levíssima embriaguez de estarem juntos, a alegria como quando se sente a garganta um pouco seca e se vê que por admiração se estava de boca entreaberta: eles respiravam de antemão o ar que estava à frente, e ter esta sede era a própria água deles."
Clarice Lispector, maravilhosa como sempre!


Nenhum comentário: